Loading...

Pecsa recebe certificação de “Empresa B”

Pecuária Sustentável da Amazônia recebeu a primeira certificação de Empresa B do setor de pecuária na América Latina. O selo é dado a empresas que geram comprovadamente benefícios sociais e ambientais.

A Pecsa (Pecuária Sustentável da Amazônia), com sede em Alta Floresta (MT), recebeu na semana passada a primeira certificação de Empresa B do setor de pecuária na América Latina. O selo é dado a empresas que geram comprovadamente benefícios sociais e ambientais a partir dos seus negócios.
A certificação implica em cumprir com um alto padrão de gestão e transparência. Para ser uma “Empresa B” é preciso passar por um processo de avaliação com 165 critérios de Governança, Trabalho, Comunidade e Meio Ambiente, e uma verificação pela equipe do B Lab, responsável pelo movimento global de Empresas B, sediada na Califórnia. “Acreditamos que empresas devem buscar serem as melhores para o mundo, e esse é o propósito maior da Pecsa”, disse o diretor de governança da empresa, Laurent Micol.
Para o facilitador de certificação do Sistema B, que administra o movimento na América Latina, Pedro Augusto, a indústria da pecuária é de grande importância para a sociedade, já que é parte da base de alimentação de grande parte da população mundial, ao mesmo tempo que é, em sua maioria, altamente insustentável. Na contramão disso, as Empresas B propõem uma dinâmica sustentável e de responsabilidade social e ambiental. Augusto afirma ainda que “ter uma Empresa B como a Pecsa significa que é possível fazer negócios de uma forma diferente, e que é possível gerar transformações positivas em indústrias tradicionais”.
O Movimento B conta com 70 empresas certificadas no Brasil, de 20 setores de atividades diferentes. No mundo, já são mais 2 mil empresas certificadas, todas comprometidas com uma nova visão de sucesso nos negócios.

Fonte: Valor